Guia Rápido: Sexualidade Não é Violência!

Guia Rápido: Sexualidade Não é Violência!
Foto: Reprodução

Esta cartilha é resultado de diversos projetos que o Instituto de Saúde vem desenvolvendo junto às áreas de Educação, Saúde, Assistência Social e Justiça, focando a Saúde e os Direitos Sexuais e Reprodutivos, inclusive de crianças e adolescentes.

Com ela procuramos esclarecer dúvidas relativas à Sexualidade, procurando orientar educadores, assistentes sociais, conselheiros tutelares, profissionais de saúde e outros interessados, para que possam atuar com crianças e adolescentes, de forma a promover seu bem-estar e sua saúde e protegê-los de situações de violência.

Por ser um tema tabu, não discutido abertamente pela sociedade brasileira, a Sexualidade e suas manifestações típicas nas diversas faixas etárias são muitas vezes mal interpretadas pelos adultos, que encaram tais ocorrências como problemáticas, atípicas ou até fruto de violências.

O material procura orientar sobre as etapas infantojuvenis, fazendo a distinção entre as situações e aspectos que fazem parte do desenvolvimento da sexualidade saúdável daquelas ocorrências que possam afetá-la.

A vivência da sexualidade é fundamental para o desenvolvimento humano e deve ser encarada com naturalidade. A violência ao desenvolvimento natural desta se constitui como uma prática que tolhe e abala a vida do ser humano e por isso precisa ser evitada e combatida.

Esclarecemos e orientamos condutas com relação às perguntas infantis, manipulação de órgãos genitais por crianças, transexualidade, masturbação, início de paqueras, ficadas e namoros, situações pré-sexuais, relacionamentos e relações sexuais na adolescência, parcerias hetero, homo e bissexualidade, e a necessidade de esclarecimentos em saúde para tais situações.

Além delas, orienta-se a condução de situações que envolvem violência e sexualidade, visando a sua prevenção e os devidos encaminhamentos para a atenção em saúde.

Boa Consulta!

Clique Aqui!


Figueiredo, Regina.
Sexualidade NÃO É violência: saiba entender, conduzir situações e diferenciar…- guia rápido para educadores, conselheiros tutelares, assistentes sociais, profissionais de saúde e outros interessados. São Paulo: Instituto de Saúde, 2018. 56p.
ISBN online: 978-85-88169-35-7
1. Sexualidade. 2. Saúde Reprodutiva. 3. Violência Sexual. 4. Defesa da Criança e do Adolescente
I. Figueiredo, Regina.

InPaSex
ADMINISTRATOR
PERFIL